Senior apresenta case de gamification no maior evento sobre gestão do conhecimento do Brasil

Metodologia aplicada pela Universidade Corporativa Senior – centro de aprendizagem voltado aos profissionais que atuam com as soluções da empresa – reformulou a Certificação Técnica da companhia aproximando teoria e prática de forma colaborativa e promovendo engajamento.

 

certifica-e1477061912662

Referência nacional em softwares para gestão, a Senior possui um dos mais completos portfólios para alta performance das organizações. Em busca por mais engajamento no processo de certificação dos profissionais que atuam com as soluções em Gestão Empresarial, Logística, Gestão de Pessoas e Gestão de Acesso e Segurança oferecidas, a Senior reformulou sua Certificação Técnica com gamification.

Aplicada pela Universidade Corporativa Senior – um centro de aprendizagem voltado à capacitação continuadadesses profissionais – a metodologia trouxe economia na criação das questões aplicadas na Certificação, eliminação de questões obsoletas, banco de questões sugeridas pelos próprios candidatos às provas em constante manutenção e atualização, e reconhecimento – a adesão de profissionais em processo de certificação triplicou, o que trouxe sensível aumento no nível de satisfação dos participantes.

Selecionado entre mais de 40 inscritos no KM Brasil 2016 –  maior evento sobre gestão do conhecimento do Brasil – o case da Senior será apresentado a um público altamente qualificado, composto por profissionais envolvidos com educação empresarial. O KM Brasil reúne exemplos, insights, métodos e propostas de soluções que contribuem para a efetiva gestão do conhecimento que faz diferença, impactando em uma melhor gestão da organização e na geração de valor.

Uma prova parada no tempo

Criada para garantir uma base de conhecimento técnico, a Certificação Técnica Senior avalia o nível de proficiência dos profissionais que atuam com as soluções da Senior. Composta por questões criadas por especialistas com alto domínio técnico das soluções, a Certificação ao longo de 10 anos avaliava o conhecimento dos profissionais na operação e parametrização dos sistemas.

“Embora ricas tecnicamente, as questões careciam de um olhar didático e metodológico. Além disso, ao longo dos anos, dada a volatilidade dos conteúdos, o volume de conhecimento envolvido e a falta de um processo estruturado de manutenção do banco de questões, as provas sofreram uma defasagem em termos de atualidade e adequação, o que baixou a credibilidade no programa de certificação técnica da Senior, que tem abrangência nacional”, explica Raquel Sievert, Coordenadora da Universidade Corporativa Senior. Assim, segundo ela, evidenciou-se a necessidade de respaldar as provas que compunham o programa com fundamentos de avaliação e andragogia, sanear o banco de questões em uso, produzir mais de três mil novas questões, explicitar o conhecimento coletivo e, então, indexar e disponibilizar tudo isso, investindo-se a medida certa de tempo e recursos. “Precisávamos fazer com que os profissionais se sentissem parte do processo”, afirma a Coordenadora.

A metodologia

A partir do cenário identificado, um plano de ação calcado em técnicas de gamification e colaboração foi construído e aplicado, reformulando completamente a metodologia de avaliação. “Conseguimos implantar uma cultura deresponsabilidade compartilhada pela gestão do conhecimento, aproximamos o conhecimento tácito do explícito sem perdas e compartilhamos conhecimentos de experts em todo o País”, comemora Raquel Sievert.

O jogo

Com o objetivo de conseguir mais de 500 novas questões para a Certificação, profissionais da Senior e dos cerca de 100 Canais de Distribuição da companhia foram estimulados a enviar suas sugestões. Para apoiar, uma cartilha nivelou os participantes em termos metodológicos antes de ser iniciado o jogo.

Todo o processo foi transparente e os participantes podiam sugerir novas questões, comentar ou apenas votar nas melhores. Para pontuar, foi considerada a quantidade de votos por questão que cada participante recebeu, assim como o total de questões sugeridas individualmente. Tudo foi feito por meio de uma plataforma on-line de colaboração. Entre colaboradores, os cinco primeiros classificados receberam prêmios em dinheiro, sendo que os três primeiros receberam automaticamente a Certificação. Entre os Canais de Distribuição, os três primeiros classificados receberam vouchers da Universidade Corporativa Senior para trocar por treinamentos.

Uma prova à prova de tempo

Chamado de “Certifica Senior”, o projeto contou com mais de 11 mil interações e mais de 2.700 questões criadas. A metodologia trouxe economia no processo de criação das questões, eliminação de questões obsoletas, banco de questões sugeridas pelos próprios candidatos às provas em constante manutenção e atualização, e reconhecimento – a adesão de profissionais em processo de certificação triplicou, o que trouxe sensível aumento no nível de satisfação dos participantes.

“Antes, o custo estimado de produção das questões girava em torno de R$ 60 mil e levava aproximadamente um ano para ser concluído. Com a gamificação desse processo, além de mantermos um banco sempre atualizado com mais de 2.500 questões, tivemos um custo de produção de R$ 15 mil em um processo que levou apenas três meses”, entusiasma-se Adriana Voigt, Analista de Treinamento responsável pela implantação do projeto. Além disso, a metodologia fez com que os profissionais envolvidos se sentissem parte do processo, o que refletiu em uma altíssima adesão à Certificação e, por consequência, aumento do nível de satisfação. “A própria estrutura das provas mudou completamente. Passamos de uma estrutura grande e complexa, composta por 103 provas que ocupavam 51h para aplicação para uma estrutura muito mais adequada: 70 provas em 70 horas de aplicação”, detalha Adriana.

De dentro de casa para o mundo

Com o “Certifica Senior”, foi possível impulsionar a mudança de cultura relacionada à Certificação Técnica e à troca de conhecimento sobre as soluções da Senior entre os times profissionais de toda a rede. Essa ação resultou não apenas em um novo banco de questões como também promoveu a revitalização de todo o Programa de Certificação, que tem importância e aplicação nacional. “Conseguimos alcançar um modelo sustentável, com questões voltadas à realidade que encontramos no atendimento ao cliente”, afirma a Coordenadora Raquel Sievert. Segundo ela, o engajamentopromovido ampliou a escala de conhecimento técnico massivamente, pulverizando a multiplicação entre todos.

Por apoiar a organização na dimensão do negócio, uma vez que atuou diretamente na geração, retenção e multiplicação dos conhecimentos críticos que fundamentam as soluções da Senior, o “Certifica Senior” é um projeto completamente aderente ao modelo da Sociedade Brasileira de Gestão do Conhecimento. Além disso, apresenta critérios como qualidade de conteúdo, transferência de conhecimento e ineditismo.

Por isso, selecionado entre mais de 40 inscritos, o case da Senior será apresentado a um público altamente qualificado, composto por profissionais envolvidos com educação empresarial durante o KM Brasil 2016 –  maior evento sobre gestão do conhecimento do Brasil – que acontece de 8 a 10 de novembro em São Paulo/SP sob o tema “Conhecimento que faz Diferença: inteligência e colaboração criando eficiência e inovação”.

Ao lado da companhia, grandes empresas como Algar Telecom, Correios, Petrobras, Volvo, Sebrae-Nacional e PwC Brasil também apresentam seus cases no evento, que pretende discutir temas de como fazer gestão do conhecimento de forma relevante, gerando resultados e produzindo impacto no negócio.

O modelo de Gamification aplicado ao negócio pode ser implantado em qualquer área desde que adequado corretamente à realidade das equipes. Além da Universidade Corporativa, a metodologia também já foi adotada anteriormente em outros setores da Senior. A empresa já tinha utilizado o Coding Dojo, um novo formato de treinamento que tem como base as artes marciais para incentivar a evolução técnica de suas equipes de Desenvolvimento e Qualidade de software e, mais recentemente, área de Geração de Demandas ampliou sua captação de leads em 58% em apenas seis meses, além de ganhar expressiva melhora no clima organizacional.

SERVIÇO

“Certifica Senior” no KM Brasil 2016
De 8 a 10 de novembro de 2016
Matsubara Hotel | Rua Coronel Oscar Porto, 836 – Paraíso, São Paulo/SP
Informações e inscrições: www.kmbrasil.org

Fonte: Senior