Eventos SST eSocial: saiba quais são e como enviar

Descubra quais são os principais eventos do SST e como enviá-los ao eSocial.

SST significa Saúde e Segurança do Trabalho, consiste em normas e procedimentos legalmente estabelecidos aos empregados e empregadores, que tem como principal objetivo tornar o ambiente de trabalho mais saudável e seguro para os trabalhadores.

Quer saber tudo sobre SST? Confira o conteúdo que preparamos.

Os principais eventos do SST que precisam ser enviados para o eSocial são:

S-2245

S-2221

S-220

S-2210

S-1060

Confira quais são as ações que fazem parte de cada um deles e inicie agora mesmo o processo de adequação:

S-2245 – Treinamentos, Capacitações, Exercícios Simulados e Outras Anotações

Evento utilizado para prestação de informações sobre os treinamentos, capacitações exercícios simulados realizados. Bem como informações relativas aos trabalhadores autorizados a realizar intervenções em instalações elétricas e em máquinas e equipamentos.

  • Efetue o cadastro cursos dos colaboradores: Realize o cadastro dos cursos obrigatórios de acordo com as NRs que serão declarados no evento S-2245, observando a tabela na qual estão codificados para o eSocial.
  • Efetue o cadastro de anotações/ autorizações das NRs nos colaboradores: Realize o cadastro de anotações referente às autorizações ou outras anotações do registro obrigatório, a constar no Livro de Registro de Empregados conforme as NRs que serão declarados no evento S-2245, observando a tabela na qual estão codificados para o eSocial.
  • Fechamento de admissão: Passo somente para novos colaboradores cadastrados no sistema. Faça o processo de fechamento de admissão e não esqueça de enviar os eventos Não Periódicos do novo colaborador.
  • Gerar eventos não periódicos: Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorrer, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.  

S-2221 – Exame Toxicológico do Motorista Profissional

Evento utilizado para prestação de informações relativas ao exame toxicológico realizado pelo motorista profissional.

Admissão:

  • Efetue o cadastro exame toxicológico: Realize o cadastro do resultado do exame toxicológico dos colaboradores a fim de gerar informações para o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e eSocial através do evento S-2221.
  • Fechamento de admissão: Passo somente para novos colaboradores cadastrados no sistema. Faça o processo de fechamento de admissão e não esqueça de enviar os eventos Não Periódicos do novo colaborador.
  • Gerar eventos não periódicos: Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorrer, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

Demissão:

  • Efetue o cadastro exame toxicológico: Realize o cadastro do resultado do exame toxicológico do colaboradores a fim de gerar informações para o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e eSocial através do evento S-2221.
  • Fechamento de demissão: Passo somente para colaboradores demitidos pelo sistema. Faça o processo de fechamento de demissão e não esqueça de enviar os eventos Não Periódicos do colaborador demitido.
  • Gerar eventos não periódicos: Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorre, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/ órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

S-220 – Monitoramento da Saúde do Trabalhador

Evento utilizado para prestação de informações relativas ao monitoramento da saúde do trabalhador (avaliações clínicas), durante todo o vínculo laboral com o empregador/contribuinte/órgão público, por trabalhador, no curso do vínculo ou do estágio, bem como os exames complementares aos quais foi submetido, com respectivas datas e conclusões.

  • Efetue o cadastro da ficha médica: Realize o cadastro da ficha médica com as informações médicas dos colaboradores, terceiros, parceiros atendidos pelo ambulatório da empresa.
  • Efetue o cadastro dos resultados dos exames: Realize o cadastro do resultado dos exames médicos e laboratoriais que foram executados por laboratórios de análise clínica, a pedido do médico, visando um diagnóstico ou confirmação para uma doença do colaborador.
  • Efetue o cadastro do Atestado de Saúde Ocupacional (ASO): Realize o cadastro do resultado do ASO informando os dados que atestam se o colaborador está apto ou inapto para a realização de suas funções dentro da empresa.
  • Fechamento de admissão: Passo somente para novos colaboradores cadastrados no sistema. Fo processo de fechamento de admissão e não esqueça de enviar os eventos Não Periódicos do novo colaborador.
  • Gerar eventos não periódicos: Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorrer, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/ órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

Demissão:

  • Efetue o cadastro dos resultados dos exames: Realize o cadastro do resultado dos exames médicos e laboratoriais que foram executados por laboratórios de análise clínica, a pedido do médico, visando um diagnóstico ou confirmação para uma doença do colaborador.
  • Efetue o cadastro do Atestado de Saúde Ocupacional (ASO): Realize o cadastro do resultado do ASO informando os dados que atestam se o colaborador está apto ou inapto para a realização de suas funções dentro da empresa.
  • Fechamento de demissão: Passo somente para colaboradores demitidos pelo sistema. Faça o processo de fechamento de demissão e não esqueça de enviar os eventos Não Periódicos do colaborador demitido.
  • Gerar eventos não periódicos: Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorrer, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/ órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

Periódicos, Retornos, Mudança de função

  • Efetue o cadastro dos resultados dos exames: Realize o cadastro do resultado dos exames médicos e laboratoriais que foram executados por laboratórios de análise clínica, a pedido do médico, visando um diagnóstico ou confirmação para uma doença do colaborador.
  • Efetue o cadastro do Atestado de Saúde Ocupacional (ASO): Realize o cadastro do resultado do ASO informando os dados que atestam se o colaborador está apto ou inapto para a realização de suas funções dentro da empresa.
  • Gerar eventos não periódicos: Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorrer, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/ órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela, também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

S-2210 – Comunicação de Acidente de Trabalho – CAT

Evento utilizado para prestação de informações a comunicação do acidente de trabalho pelo empregador/contribuinte/órgão público, ainda que não haja afastamento do trabalhador de suas atividades laborais.

  • Fechamento de admissão: Passo somente para novos colaboradores cadastrados no sistema, faça o processo de fechamento de admissão e não esqueça de enviar os eventos Não Periódicos do novo colaborador.
  • Efetue o cadastro da CAT: Realize o cadastro da Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT) para reconhecer tanto um acidente de trabalho ou de trajeto bem como uma doença ocupacional.
  • Gerar eventos não periódicos: Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorrer, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/ órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela, também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

S-1060 – Ambientes de trabalho

Evento utilizado para prestação de informações relativas aos ambientes de trabalho do empregador/contribuinte/órgão público, em que seus trabalhadores exerçam atividades, não se confundindo com a lotação tributária.

  • Cadastro dos Ambientes de Risco: Realize o cadastro de ambientes que representam uma localização física do empregador, descrevendo seus aspectos e condições onde efetivamente o trabalhador exerce suas atividades.
  • Gerar eventos tabelas: Eventos que contempla a estrutura da base de dados, sendo responsáveis por informações que precedem e validam os eventos periódicos e não periódicos.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela, também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

S-2240 – Fatores de risco

Evento utilizado para prestação de informações relativas as condições ambientais de trabalho, bem como da exposição aos fatores de risco aos quais o colaborador esta exposto e das condições de insalubridade ou periculosidade, aposentadoria especial.

  • Mapear e Cadastrar postos de trabalho: Realize o mapeamento dos postos e faça o cadastro observando as características ocupacionais, agrupando as atribuições do mesmo âmbito funcional, de forma a atender um determinado conjunto de necessidades numa organização, num contexto de desenvolvimento organizacional bem como da segurança do trabalho.
  • Vincular posto de trabalho ao colaborador: Realize durante o cadastro da admissão do colaborador, o registro do posto de trabalho para o qual ele irá atuar.
  • Mapear e Cadastrar GHEs: Realize o mapeamento dos GHEs e faça o cadastro dos grupos onde os riscos dos ambientes físicos da empresa e seus colaboradores exercem atividades semelhantes e estão expostos aos mesmos agentes de riscos.
  • Vincular posto de trabalho ao GHE: Realize o vínculo do posto de trabalho ao GHE, observando as características dos postos de trabalho e a relação com as definições e características cadastradas no GHE.
  • Descrição de atividades de risco: Realize o cadastro da descrição das atividades, físicas ou mentais, realizadas pelo colaborador, de forma sucinta e exata observando a tabela os quais estão codificados para o eSocial, relacionando com atividades insalubres e perigosas quando devido.
  • Registro dos Laudos e informações ambientais: Realize o cadastro dos resultados da avaliação qualitativa e quantitativa dos agentes físicos, químicos e biológicos previstos na legislação e existentes no ambiente de trabalho, bem como o registro das informações sobre insalubridade, periculosidade ou aposentadoria especial.
  • Distribuição dos EPIs: Realize a distribuição do EPI para o registro da entrega do equipamento ao colaborador, destinado à proteção de riscos suscetíveis de ameaçar a segurança e a saúde no trabalho.
  • Fechamento de admissão: Passo somente para novos colaboradores cadastrados no sistema. Faça o processo de fechamento de admissão e não esqueça de enviar os eventos Não Periódicos do novo colaborador.
  • Gerar eventos não periódicos:  Eventos que não possuem uma data pré-fixada para ocorrer, pois dependem de acontecimentos na relação empregador/ órgão público e o trabalhador que influenciam no reconhecimento de direitos e no cumprimento de deveres trabalhistas.
  • Conferência do recebimento do evento: Faça a consulta das pendências de envio ao eSocial, possibilitando a conferência das informações antes de seu processamento. Através dela, também é possível realizar o envio manual das pendências e fazer a consulta da situação das pendências geradas, bem como a identificação do número do recibo.

Quer saber tudo sobre o eSocial? Confira nosso guia completo

Fonte: Senior Sistemas

Tags: