Como seu RH pode ganhar escala com sistemas integrados

Confira dicas valiosas para o RH da sua empresa ganhar escala na era digital.

Na era da informação, um dos departamentos que mais tem se transformado nas empresas é o de Recursos Humanos. Com a adoção de serviços em nuvem e o fortalecimento da cultura do trabalho remoto, as operações tendem a ficar cada vez mais descentralizadas e complexas. Com a gestão de pessoas isso não é diferente. 

A descentralização das atividades e a possibilidade de atuar profissionalmente a partir de qualquer lugar trazem a necessidade de dar cada vez mais escala aos processos de gerir pessoas. É aí que entram os sistemas integrados de RH. Esses sistemas trazem a digitalização da administração do capital humano, deixando os processos mais eficientes, automatizados e confiáveis. 

Fazer a gestão de pessoas de ponta a ponta usando sistemas integrados é perfeitamente possível. O uso inteligente dessas ferramentas coloca a tecnologia em favor de todo o processo, desde a captação de novos talentos até a gestão do ciclo profissional completo de colaboradores. 

Tecnologia de RH direcionada ao crescimento do negócio 

A gestão do RH em larga escala requer um olhar analítico sobre os números relacionados ao capital humano, mas sem deixar de lado as pessoas e a individualidade dos colaboradores. Para fazer isso, é preciso descentralizar os processos e tornar a operação mais digital. 

Com softwares integrados auxiliando a operação, o RH pode focar em assuntos estratégicos e tomar decisões baseadas no clima organizacional, desempenho dos funcionários e na atratividade do ambiente corporativo. Isso é usar a tecnologia para cuidar cada vez mais do maior ativo do seu negócio: os colaboradores. 

Quer saber como a digitalização dos processos pode ajudar o RH da sua empresa a ganhar escala? Então continue lendo este artigo e saiba como um bom sistema integrado de RH pode apoiar em cada etapa. 

Otimize os processos de seleção e aquisição de talentos 

O recrutamento e a seleção de candidatos pode ser um longo processo, desde a procura pelos profissionais até o envio de uma proposta. Dependendo do porte da empresa, é possível que o RH passe por ele dezenas de vezes dentro de um mesmo mês. 

Então, como controlar isso em larga escala? 

Profissionais de RH olham muito além do currículo e da formação de cada candidato. Este processo envolve também um planejamento financeiro, além de conhecer o perfil de cada pessoa, para encontrar aquelas que estão mais alinhadas com o propósito e os valores da empresa. 

Se a empresa integrar um sistema que controle a quantidade de vagas ao sistema de recrutamento, pode ajudar o recrutador a traçar o plano de contratação de cada departamento e preparar-se para buscar novas pessoas. 

Também é possível, por exemplo, usar um software para gestão de carreira para identificar os colaboradores que ocupam posições estratégicas, ou apresentam um risco maior de deixar a empresa. Com esses dados, o profissional de RH pode criar ações focadas para fortalecer essas posições e apoiar os talentos internos da organização, trazendo crescimento e evitando o turnover

Ganhe escala com um onboarding totalmente digital 

A experiência de novos colaboradores começa bem antes do primeiro dia de trabalho. Então, é importante conduzir um onboarding bem estruturado e humanizado, inclusive quando há ações de contratação em massa. 

Ao digitalizar o processo de onboarding, ele pode ser integrado com a etapa do recrutamento. 

Por exemplo: que tal o RH já receber os dados iniciais de um candidato aprovado, entrar em contato com ele e enviar toda a documentação, sem sair do seu sistema? Usando softwares integrados de gestão isso é possível. 

Assim, a empresa consegue otimizar a contratação dos colaboradores, ganhando produtividade sem perder o contato direto com as pessoas. 

Integre a administração de pessoal com a etapa da pré-admissão 

Depois de receber novos colaboradores, a condução e manutenção dos processos internos para fazer a gestão dessas pessoas exigem bastante tempo e atenção a detalhes. 

Usando um sistema de folha completo, é possível acompanhar a vida profissional do colaborador, gerenciar o cálculo da folha, recolher impostos, controlar os benefícios oferecidos, fazer provisões e muito mais. 

Em vez de buscar os dados necessários para fazer essa gestão depois que o colaborador está na empresa, é possível coletar boa parte das informações antecipadamente. Ao integrar sistemas de folha e de onboarding, boa parte do esforço já é eliminada antes mesmo da admissão acontecer. 

Assim, após coletar os dados iniciais do novo colaborador, o RH precisa apenas manter-se em dia com as exigências fiscais e as movimentações do trabalhador. 

  • Flexibilidade, segurança e compliance nas relações trabalhistas: conheça agora as soluções de Gestão de Pessoas | HCM da Senior

Dê autonomia às pessoas e deixe seu RH mais estratégico 

Não tem como falar de ganhar escala sem falar em descentralização

A melhor maneira de fazer isso é dando autonomia para colaboradores, gestores e seus liderados. Pessoas com autonomia produzem mais e trazem maior abertura para a inovação. 

Ao empoderar colaboradores e automatizar fluxos de aprovação, os processos fluem mais rapidamente, pois há um mínimo de intervenção humana nas atividades corriqueiras e operacionais. Assim, as pessoas têm mais tempo para focar em assuntos estratégicos.  

Veja um exemplo: colaboradores podem solicitar suas próprias férias de acordo com uma política predefinida pela organização. O gestor ou o profissional de RH recebem as solicitações que atendem à política e precisam apenas aprovar ou reprovar essa solicitação. 

Outro aspecto importante para o ganho de escala é o controle da jornada de trabalho pelo próprio colaborador. Colaboradores precisam ter visibilidade das suas marcações de ponto, quantas horas trabalharam e do saldo de banco de horas. Assim, seguindo as diretrizes da empresa, eles mesmos podem gerenciar seu tempo. 

Isso tudo pode ser integrado a um sistema de folha de pagamento, que automaticamente mantém os dados atualizados e faz todos os cálculos necessários, incluindo tributações. 

  • Use as soluções de autoatendimento da Senior e dê autonomia e mobilidade no acesso às informações para seus colaboradores. Automatize a atualização cadastral e simplifique o planejamento de férias, colocando o controle na palma da mão dos funcionários.

Acompanhe o desempenho e reconheça os talentos da empresa em nível global 

O trabalho remoto vem crescendo cada vez mais. Com isso, cresce também a procura por pessoas capacitadas em diferentes lugares, com diversas habilidades. A busca por profissionais de alta performance no mercado está cada vez mais acirrada. 

Por isso, a empresa precisa investir na carreira e na evolução do desempenho de todos os colaboradores, de maneira global. Softwares de gestão da carreirasucessão e desempenho facilitam esse trabalho, ajudando na condução das avaliações e na análise dos resultados alcançados. 

Esses sistemas podem também identificar as pessoas mais propensas a ocuparem posições-chave, avaliar riscos de perda e escolher as sucessoras para as posições mais estratégicas. Com base nesses resultados, é possível usar as competências de colaboradores como critério para identificar aqueles que são mais propensos a receberem reajustes salariais e bonificações, e integrá-los diretamente a um sistema de remuneração

  • O pacote de soluções para gestão de talentos da Senior ajuda a reconhecer talentos, por meio de avaliações de competências, resultados e PDIs. Crie um mapa de carreira para os colaboradores e planeje a remuneração das pessoas da empresa. 

Monitore o clima organizacional e crie ações de melhoria para toda a empresa 

Como você gerencia o clima organizacional em uma empresa que tem centenas ou milhares de funcionários? Um jeito prático de fazer isso é usando um software que dê escala ao processo por meio de pesquisas de clima, sem perder o controle das respostas obtidas. 

Sistemas de pesquisa de clima podem alcançar um número grande de pessoas, com questionários para coletar a percepção dos colaboradores sobre como é estar e trabalhar na empresa. 

Depois de obter as respostas, elas são apresentadas de forma consolidada em relatórios e dashboards, que podem ser usados para analisar o que está indo bem e o que pode melhorar, ajudando a moldar as ações de melhoria interna

  • Com o Moods da Senior, o RH analisa o clima organizacional, identifica os gaps de melhoria e tem insumos para planos de ação. Crie questionários com perguntas direcionadas e divididas em diferentes dimensões, que podem ser respondidas anonimamente pelos colaboradores.

People Analytics: obtenha dados para tomar decisões eficazes na gestão de pessoas 

Se você chegou até aqui, já tem uma visão global de como as etapas da gestão de pessoas podem ser conectadas e escaladas usando sistemas integrados. Agora, pode estar se perguntando: como dar visibilidade a todos os dados coletados por esses sistemas? 

Os dados relacionados a recursos humanos, chamados de People Analytics, são essenciais para unir todas as pontas e trazer uma perspectiva geral das pessoas. 

Com dashboards integrados a todos os sistemas citados anteriormente, a alta gestão tem acesso a uma visão de tudo o que está acontecendo com os colaboradores da empresa. Em poucos cliques ou em uma única página, é possível acompanhar o andamento do desempenho das pessoas, situações do controle de jornada, calendários de datas importantes, oportunidades de carreira, absenteísmo, turnover e muito mais

Ao estender algumas dessas visões para o colaborador, sobre a sua própria vida profissional dentro da empresa, ele também ganha mais autonomia. 

Para ganhar escala, é preciso ter essas informações consolidadas em tempo real e disponíveis a qualquer hora, para que o RH tome decisões assertivas e alinhadas com a cultura data driven. 

  • Usando o Analytics Studio na plataforma senior X, você pode gerar relatórios personalizados, criar landing pages e dashboards. Veja métricas e números obtidos diretamente das outras soluções da Senior, que ajudam a tomar decisões de maneira ágil e criar planos mais assertivos.

Empresas menores também devem se preocupar em escalar o RH. Quando falamos em escala, isso se aplica a empresas de todos os tamanhos. Toda organização que vislumbra um futuro de crescimento deve começar a se adaptar ao crescimento do negócio o quanto antes. 

Um RH digital é pré-requisito para preparar a organização para o futuro, modernizando todo o processo, desde a captação de talentos até a administração de pessoal contratado. Este é um fator chave para valorizar o capital humano de maneira proporcional ao crescimento do quadro de colaboradores. 

Para saber mais sobre essa solução, acesse o nosso site ou entre em contato conosco! Nós estamos a postos para ajudar!

Fonte: Senior Sistemas

WhatsApp
Posso ajudar?
Olá, como posso ajudá-lo(a)?