Saiba extrair o máximo da Nota Fiscal Eletrônica

Entenda a evolução da obrigatoriedade e adeque sua empresa.  

Saiba extrair o máximo da Nota Fiscal Eletrônica

 

A Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) representa uma verdadeira revolução no varejo brasileiro, trazendo muitas possibilidades de inovação e novas formas de atendimento. A obrigatoriedade contribui para a diminuição de erros operacionais, facilidade no cumprimento das normas tributárias e ainda redução de custos em relação a impressão e armazenagem de documentos fiscais.

Desde 2008, o Governo Federal vem se empenhando em substituir as velhas notas fiscais de papel por notas fiscais eletrônicas. O pontapé inicial veio com a NF-e, a Nota Fiscal Eletrônica que substitui as notas fiscais modelo 1 e 1A, que documentavam transações comerciais entre pessoas jurídicas.

 

No final de 2014 começou a implantação da Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica, que substituiu a nota fiscal de venda ao consumidor, modelo 2, e o cupom fiscal emitido por ECF, equipamento de automação comercial autorizado a emitir o cupom fiscal e a nota fiscal ao consumidor.

 

O cronograma de adequação, que varia de acordo com o faturamento das empresas e estados onde estão instaladas, continua em vigor ainda este ano: até o final de 2016 grande parte dos estabelecimentos de comércio varejista deverão estar adequados para emissão da NFC-e.

Hoje no Brasil empresas com ampla experiência no desenvolvimento de software oferecem soluções para um mercado em constante transformação, garantindo mais agilidade nos processos. A tecnologia permite armazenamento seguro, certificado digital e impressão distribuída, que possibilita incluir mais de um diretório para integração de entrada deNota Fiscal Eletrônica, ou seja, permite ao cliente utilizar múltiplos pontos de impressão do documento. Há ainda empresas que vão além e investem em soluções que podem ser integradas com qualquer sistema de gestão empresarial, além de gerenciar as notas desde a emissão no ERP até a impressão do DANFE, detalhar as críticas geradas pela Secretaria da Fazenda e facilitar a identificação dos ajustes necessários.

A Nota fiscal Eletrônica marca o início de um novo período das transações comerciais e definitivamente ajuda empresas e contribuintes a otimizar seus registros e prestações de serviços, já que propõe um padrão nacional de documento fiscal eletrônico.

Todas as tecnologias e processos de controle de tributos estão sendo mudadas para que tudo seja feito em nuvem(Cloud), dependendo cada vez menos de fiscalização presencial, de equipamentos fiscais complexos no campo, entre outros. Tudo isso organiza as informações e contribui com a competitividade do varejo brasileiro.

 

Sua empresa já está adequada ou enfrenta dificuldades com a obrigatoriedade? Fale com a ASC Sistemas.

Além de cumprir todas as exigências do Governo Federal na emissão do documento, a solução NF-e da Senior garante mais agilidade, redução de custos, praticidade e segurança.

 

Confira os principais benefícios:

  • Integração com o ERP da Senior ou outros ERPs e PDVs de mercado garantida e suportada pela Senior
  • Armazena a NF-e
  • Assinatura digital no envio da nota
  • Utiliza protocolo seguro para transferência de arquivos
  • Gera XML e lotes
  • Software nacional com suporte local
  • Pré-validação do documento antes do envio à Sefaz. Com isso, há redução na comunicação entre o emitente e o Fisco
  • Compatível com qualquer modelo de impressora a laser
  • Redução de custos de impressão
  • Redução de custos de armazenagem de documentos fiscais
  • Redução do tempo de parada de caminhões nos postos fiscais
  • Maior produtividade com redução de custos operacionais